segunda-feira, dezembro 12, 2011

Orçamento dos SMAS para 2012 foi aprovado

O Orçamento dos Serviços Municipalizados de Água e Saneamento foi aprovado, com o voto de qualidade do Sr.Vice-Presidente, com dois votos a favor, dois contra e duas abstenções.
Os vereadores do PS apresentaram a seguinte declaração de voto:
Grandes Opções do Plano e Orçamento dos Serviços Municipalizados de Águas e Saneamento da Câmara Municipal de Tomar para o ano de 2012 e respectivo mapa de pessoal
O documento apresentado mantém, com as correcções de facturação iniciadas na gestão dos últimos dois anos, a linha de investimentos e de gestão correntes, únicas que são responsabilidade directa da administração dos SMAS.
Já responsabilidade do Município, a gestão estratégica, tem sido por nós, repetidas vezes, na Assembleia Municipal e no executivo camarário, elencadas.
Para este ano de 2012, as grandes decisões estratégicas que necessitam ser tomadas, para garantir a viabilidade de médio e longo prazo da exploração das águas e saneamento, bem como da necessária reestruturação do sistema de facturação que possa fazer desaparecer a quota de serviço/taxas fixas, para integral cumprimento da Lei que proibiu a cobrança dos “aluguer de contador”, carecem de ser tomadas, HÁ MUITOS ANOS, num amplo debate, pelo executivo Municipal.
Só novas decisões estratégicas permitirão dar cabal cumprimento às redes de águas e saneamento, dita em baixa, complementando todos os sub-sistemas em projecto.
Carece ainda quanto a nós, também de abordagem e trabalho conjunto, a situação incomportável que se mantém, quer com a EPAL, quer com a Águas do Centro
Por tais razões, nos abstemos.
Tomar, aos 12 de Dezembro de 2011
Os Vereadores Socialistas, José Vitorino e Luís Ferreira